TOP 3 da semana!!

6 de julho de 2019

QUANTO GANHA UM PILOTO DE AVIÃO?


Muita gente gostaria de saber quanto ganha um piloto de avião, seja por curiosidade ou porque gostaria de entrar para esse mercado.
São muitas as respostas possíveis para essa pergunta objetiva, pois a carreira de pilotos tem muitas peculiaridades. Nesse post vamos responder essas questões de forma mais simplificada possível.


Nos posts “Profissão Piloto” e “Piloto de Serviços Aéreos Especializados. Você sabe o que eles fazem?”  descrevemos as várias formas de atuar na aviação, os requisitos básicos, as atribuições e o perfil do piloto que atua nessas diferentes áreas. Vale a pena dar uma espiadinha neles.

Objetivamente falando podemos dividir os pilotos em categorias, a primeira divisão seria:

     
     Militar
Os pilotos militares prestam concurso público e são treinados pela Força Aérea, pela Marinha, pelo Exército e pela Polícia Militar das Forças Auxiliares de cada estado.

Nesse caso o investimento pela formação é todo do Estado Brasileiro ou os estados.

O salário de um piloto militar depende muito do posto em que se encontra (da patente) e pode variar entre:
R$ 7.000,00 a 15.000,00


      Civil
O piloto civil é formado com recursos próprios e preparado para operar em diversos locais com variação salarial entre elas.

Sob o risco de parecer muito genérica, vou fazer uma divisão com o objetivo de simplificar dividindo o Piloto Civil em apenas três categorias:

1)    Piloto de transporte aéreo público regular (linha Aérea)
2)    Piloto de transporte aéreo público não regular (Taxi Aéreo)  
3)    Piloto da Aviação Geral (piloto executivo, piloto agrícola e serviços especializados)

1)    Piloto de Transporte Aéreo Publico Não Regular:

Piloto de linha Aérea
O piloto de linha aérea também pode ser dividido em três categorias:
a)    Voos Internacionais
Pilotos e copilotos que comandam grandes aeronaves e atravessam países e/ou continentes.
O salário pode variar, pois, depende da quantidade de horas voadas no mês.
Em média os salários são:
Comandante R$ 25.000,00
Copiloto R$ 14.000,00

b)   Voos domésticos
Esse piloto realiza voos domésticos (dentro do país), por exemplo em ponte aérea (São Paulo – Rio de Janeiro), suas aeronaves são de grande porte, porém menores daquelas que voam internacional.
Igualmente ao piloto internacional, o salário pode variar pois depende da quantidade de horas voadas no mês.
Em média os salários são:
Comandante R$ 17.000,00
Copiloto R$ 10.000,00

c)    Voos Regionais
Os pilotos que atuam em voos regionais, operam em rotas mais curtas, em aeroportos regionais, com aeronaves menores do que aqueles usados em linhas domésticas.
Nesse caso nem sempre as empresas remuneram considerando as horas de voo, depende da empresa empregadora.
Em média os salários são:
Comandante R$ 14.000,00
Copiloto R$ 7.000,00


2)    Piloto de transporte público não regular

Piloto de Taxi Aéreo (avião)
Como o próprio nome diz, é um piloto contratado para fazer transporte aéreo de passageiro não regular, ou seja, não é uma linha com datas e horários fixados, podendo transportar pessoas e até mesmo pequenas cargas.
Esse profissional normalmente é funcionário de empresas que prestam serviços de Taxi Aéreo e, também, tem remuneração baseada na quantidade de horas voadas, além do salário base.
O tipo de helicóptero é um grande diferencial na composição do salário para todas as categorias, ou seja, quanto maior e mais completo for a aeronave mais exige especialização do piloto e maior é o salário.

Média Salarial:
·         Aeronaves de pequeno porte:
R$ 4.000,00 a R$ 15.000,00
·         Aeronaves Turb-hélices e jato
Copiloto: R$ R$ 4.000,00 a R$ 10.000,00
Comandante: R$ 8.000,00 a R$ 20.000,00

3)    Piloto da Aviação Geral
Existe uma gama enorme de serviços prestados nessa categoria, os mais conhecidos são:


a)    Piloto executivo (avião)

Empresários, fazendeiros, madeireiros, profissionais liberais como médicos e advogados, e executivos de grandes empresas contratam pilotos para conduzir suas aeronaves. 

Trata-se de um transporte aéreo com muitas singularidades como tipo de serviços, tipo de aeronaves, tipo de operação etc. Por tudo isso fica muito difícil calcular a média salarial.

A variação salarial é bastante significativa:

Proprietários rurais, madeireiros, ou pessoas que contratam pilotos para voar aviões de pequeno porte:
R$ 2.000,00 a R$ 12.000,00

Profissionais liberais, executivos, empresários que possuem aeronaves mais modernas como Seneca, Lear-Jet, entre outros semelhantes:
R$ 8.000,00 a R$ 22.000,00

Grandes empresários e executivos de grandes empresas que possuem jatos de médio porte como Embraer Legacy, Falcon, entre outros são pilotos que ganham semelhante ou superior a um comandante de linha aérea.

a)           Piloto Instrutor de Voo


Esse profissional é contratado por escolas e aeroclubes para ministrar aulas de pilotagem.
          É remunerado por quantidade de horas voada.
          R$ 50,00 por hora (aproximadamente)


b)           Piloto Agrícola
Esse profissional tem a responsabilidade de pulverizar produtos que protegem a lavoura de pragas e doenças.
Esse piloto é remunerado por safra, sua média salarial é de:
·                    100.000,00 a 150.000,00 por ano, ou por safra

É claro que tem outros tipos de serviços que os pilotos podem prestar com diferentes remunerações. Piloto de Voo em Ensaio, por exemplo, é um profissional altamente especializado com remunerações a altura da especialização.


Ou ainda se quiser saber quanto é necessário investir para se formar como piloto sugiro a leitura do post: “Quanto custa a formação de pilotos”.

Me conte: você imaginava que pilotos tinham como salário esses valores ou te surpreendeu?

Nos vemos no próximo post.

Até lá









Nenhum comentário: